sábado, março 22, 2014

Re-qualificação Pracinha de Boa Viagem, Audiência Pública

No dia 19/03/2014, uma audiência pública para requalificação da pracinha de Boa Viagem foi realizada no Hotel Boa Viagem Praia Hotel sob a coordenação da vereadora Priscila Krause. Na foto Priscila, Fátima Sampaio da PCR e professsora Gilvanete Silva, do grupo de permissionários da praça.
Quatro grupos distintos participaram do evento. Representantes da PCR, liderados por Antônio Alexandre da Silva, Secretário de Desenvolvimento e Planejamento Urbano, Fátima Sampaio diretora e fátima Nery da Prodarte , Wellington Batista da Silva secretário executivo de articulação social, Jader Toscano secretário Executivo.
Moradores de Boa Viagem, Edson Campos E Silva e Abílio Araújo, representando a Associação dos moradores. Edson Campos E Silva, também representou o monsenhor Edvaldo Bezerra pároco da igreja de Boa Viagem, o Parque dos Coqueiros e o Lions Cibernético Ambientalista.

O grupo de feirantes ou permissionários se torna impossível nomeá-lo pois eram mais de 90 % da audiência. Para assegurar que os trabalhos iriam transcorrer em paz, coisa difícil hoje no Brasil, tivemos a presença do comandante da 1a. CIA do 19o. BPM capitão Luiz Freitas também presente.

- EM RESUMO:

- Monsenhor Edvaldo, não concorda que o projeto mexa com o terreno da Igreja que é propriedade particular e de uso dos fiéis.

- A PCR deixou claro que quer uma praça para o povo, não um mercado.

- A associação de moradores conforme já tinha se posicionado anteriormente quer a re-qualificação da praça e não somente re-ordenação dos feirantes, também uma praça para o povo.

- Os feirantes reclamaram que a prefeitura não cumpre o que promete e por anos ficam com promessas. Não deixaram o secretário terminar sua palestra.




3 comentários:

Cristina Henriques disse...

Está provada a insustentável petulância dos feirantes irregulares(lado com barracas verdes).
Recomendo atenta leitura ao que querem propor inclusive à área da Igreja,já espremida
Jacques Ribemboim,como você pode ajudar a Paróquia?

Acredito que outras entidades assinando um manifesto de apoio ao prefeito Geraldo Julio,ele faça cumprir a lei
Chega de ajeitadinho

Hora da própria CVR apoiar o prefeito e secretarias envolvidas
Lidamos com marginais que querem impor suas vontades.
Restaure-se a Ordem,é o único caminho

Abração Edson Campos,Abílio Araújo
Obrigada.
Desejamos sucesso nessa nova fase APBS

Cristina Henriques
C/c demais diretores

Anônimo disse...

Tempessoas que comfudi direito ao trabalho,com privatizar espaço publico.

Edson Campos E Silva disse...

Concordo Anônimo. Direito ao trabalho significa que cada um tem direito ao trabalho desde que permitido pelas leis de uma empresa ou órgão público.

Privatizar o espaço público é se apossar de locais públicos para trabalhar sem as devidas licenças do gestor público.